E eu escolhi você, escolhi você sabendo dos teus defeitos, escolhi você sabendo que não era perfeito, te fiz a minha opção, fiz de você a minha melhor opção, e não importa quantas outras opções a vida venha me dar, eu vou escolher você, sempre vai ser você.
Because, I love you
home ask textos facebook insta nyah
E chorava. Chorava, sem escândalo, sem gemidos, nem soluços…
Caio Fernando Abreu.   (via alentador)
A minha vida ? Nunca é fácil de explicar
Diário de uma paixão.   (via bloqueioemocional)
Amar dói.
Scooby Doo.   (via alentador)
Sou transparente demais. Não sei fingir algo que não sinto, ou disfarçar algo que estou sentindo.
Caio Fernando Abreu  (via alentador)
Lembra que o plano era ficarmos bem?
Legião Urbana.  (via sustentadora)
Eram dez horas da noite. A lua estava cheia e minha vida não tinha sentido.
Charles Bukowski  (via alentador)
Ela Cerveja, Ele Coca Cola. Ela disco, ele tinta. Ela toca, ele pinta. Ela dança, ele tenta. Ela sorri, ele não aguenta. Ela escandalosa, ele calado. Ela festeira, ele sossegado. Ela quer ir, ele tá de boa. Ela desiste, ele ‘me perdoa’. Ela pontual, ele demora. Ela tem pressa, ele sem hora. Ela espera, ele vai embora. Ela pergunta, ele enrola. Ela desencana, ele peleja. Ela explica, ele boceja. Ela respira, ele fraqueja. Ela entende, ele a beija. Ela ponto, ele porém. Ela forte, ele do bem. Ela do momento, ele do além. Ela ama, ele também.
Pedro Bial.  (via alentador)
Apegos causam decepções.
Fernanda Gama. (via infragilizada)
Eles se amam, todo mundo sabe mas ninguém acredita. Não conseguem ficar juntos. Simples. Complexo. Quase impossível. Ele continua vivendo sua vidinha idealizada e ela continua idealizando sua vidinha. Alguns dizem que isso jamais daria certo. Outros dizem que foram feitos um para o outro. Eles preferem não dizer nada. Preferem meias palavras e milhares de coisas não ditas. Ela quer atitudes, ele quer ela. Todas as noites ela pensa nele, e todas as manhãs ele pensa nela. E assim vão vivendo até quando a vontade de estar com o outro for maior do que os outros. Enquanto o mundo vive lá fora, dentro de cada um tem um pedaço do outro. E mesmo sorrindo por ai, cada um sabe a falta que o outro faz. Nunca mais se viram, nunca mais se tocaram e nunca mais serão os mesmos. É fácil porque os dias passam rápidos demais, é difícil porque o sentimento fica, vai ficando e permanece dentro deles. E todos os dias eles se perguntam o que fazer. E imaginam os abraços, as noites com dores nas costas esquecidas pelo primeiro sorriso do outro. E que no momento certo se reencontram e que nada, nada seja por acaso.
Tati Bernardi. (via alentador)

FS ©